Como transformar dados de sell-out em investimento de grandes marcas no seu e-commerce?

5 outubro - 2018
4 mins

O e-commerce é um canal promissor de vendas e os números não mentem. Segundo a pesquisa da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), a expectativa é que em 2018, o setor cresça 15% e fature mais de R$ 69 milhões de reais em relação ao ano anterior. Então, como aproveitar o cenário positivo e converter em lucro para o seu negócio?

Bom, são diversas alternativas que podem ajudar a conseguir investimentos e atrair grandes players do mercado para a sua loja virtual. Uma delas é o compartilhamento dos seus dados de sell-out com os seus fornecedores. Dessa maneira, você estreita as relações, integra toda a cadeia de venda e amplia as chances de alcançar sucesso no setor.

Quer entender mais sobre sell-out, suas vantagens e como chamar a atenção de novos parceiros? Então, continue a leitura!

Por que o sell-out é importante para o e-commerce?

Simples. Porque permite atrair mais investimentos para a sua loja virtual e reduzir a ruptura de estoque.

O sell-out são os dados de vendas vindos direto do checkout do seu e-commerce. Essas informações mostram o giro do seu estoque, ou seja, um indicador de que a mercadoria está saindo do seu estoque e indo para a casa do consumidor final.

Quando você compartilha esses números de vendas (e outros dados de performance com os fornecedores), você está ajudando a reduzir eventos de ruptura de estoque. Além disso, você está compartilhando dados super importantes para que as equipes comerciais e de marketing dos fabricantes possam justificar os investimentos em seu site, como promoções e compra de mídia kits. Essa é uma das estratégias fundamentais de Trade Marketing Digital.

E quem não quer se tornar parceiro de uma marca que performa bem no cenário digital, não é mesmo?

Grandes empresas, das mais diversas categorias, valorizam os dados simplificados de sell-out na hora de decidir onde vão anunciar. Por isso, investir em ferramentas que facilitam a reunião desses dados é uma boa maneira de chamar a atenção de organizações relevantes no mercado.

Quais as vantagens de compartilhar informações com os fabricantes?

Investir em uma gestão com parcerias fortes com os seus fornecedores é a oportunidade de alinhar os interesses de cada um dos agentes que compõem a cadeia de suprimentos, ou o supply chain, do varejo. Dessa forma, fica mais simples alcançar bons resultados nas suas vendas. Os benefícios dessa integração são:

1. Aumento do lucro

A lógica é bem simples: se seus fornecedores estão investindo em banners e outras formas de atração do cliente final em seu e-commerce, você estará reduzindo seus custos ou, no mínimo, aumentando sua performance sem gastar mais. Dessa maneira, sua margem de lucro aumenta.

Essa parceria é muito valiosa para ambos os lados, já que as marcas precisam saber quanto vendem no e-commerce para poder medir o ROI das suas campanhas de marketing e compreender quais produtos devem ser mais destacados, passar por mudanças de posicionamento, entre outras alterações que podem ser interessantes para o negócio.  

2. Relação de ganha-ganha

O compartilhamento de sell-out permite que todos saiam ganhando. O varejista aumenta a sua venda, pois consegue promover um maior giro dos produtos no e-commerce. Já a indústria tem maior escala e visibilidade das suas mercadorias ao compreender o que converte melhor e o que precisa ser otimizado.

Como os dados de sell-out podem trazer mais investimentos para seu e-commerce?

Compartilhar os índices de performance do seu comércio eletrônico com os fornecedores é essencial. Assim, as marcas são estimuladas a realizar novas ações de marketing, comprar mídia e lançar campanhas promocionais em seu site.

A partir do momento que você coloca em prática essas ideias, consegue rentabilizar melhor a sua loja virtual.

E aí o efeito em cascata acontece: mais lucro, mais visibilidade e mais marcas relevantes interessadas em aparecer no seu site.

Claro que existem alguns desafios no compartilhamento de dados de sell-out que podem tornar o processo bastante complexo. Dentre eles, dois ganham mais destaque:

  • Como filtrar os dados de sell-out de apenas um grupo de produtos para enviar para cada fornecedor? Por exemplo, como enviar de forma escalável apenas os dados de produtos da Ambev para a Ambev? Tratar tudo isso manualmente, fornecedor por fornecedor é um trabalho enorme.
  • Como garantir a segurança dos dados contra vazamentos?

Ainda bem que já existem tecnologias para otimizar a gestão dessas informações! Por isso, é muito importante os varejistas implementarem no seu negócio o quanto antes.

Afinal, como otimização o fluxo de dados de sell-out?

Uma ferramenta de inteligência de dados totalmente automática otimiza o tempo com a preparação e envio dos relatórios sobre as vendas do e-commerce.

Sem contar que o gerenciamento e organização dessas informações reduzem os custos operacionais, integram o registro de produtos e auxiliam na tomada de decisões estratégicas para o desenvolvimento do e-commerce.

Outra vantagem é a possibilidade de definir para qual empresa liberar a extração das informações de vendas. Além de manter em segurança os dados restritos dos clientes, como CPF, é possível passar informações segmentadas. Ou seja, de acordo com a demanda de cada um dos seus parceiros.

Com a ajuda dessas ferramentas, você consegue conquistar o seu fornecedor, mostrando organização, transparência e profissionalismo. Esses pontos são cruciais para atrair mais investimentos em um segmento tão competitivo quanto o varejo online.

Dessa forma, a gestão do e-commerce com foco em sell-out é garante a aproximação da sua marca com os compradores. Além disso, ela desenvolve melhor o relacionamento com a cadeia de suprimentos do seu setor. Os resultados aparecem no balanço final de cada mês: mais lucro e mais oportunidades de se destacar entre os concorrentes. Quem não almeja tal diferencial competitivo, não é mesmo?

Agora descubra como a Araujo e Nestlé resolveram seus problemas de cadastro de produtos de forma prática e simples!

Escrever é o que me move, por isso escolhi ser jornalista. Sempre levo um livro na bolsa, gosto de acompanhar tudo sobre tecnologia e troco fácil uma balada pela Netflix.

Deixe um comentário

Por favor, Log in para comentar
avatar
  Seguir  
Notificação de
4 mins
e-commerce quality index

EQI 2019: a qualidade do e-commerce no Brasil, Estados Unidos e América Latina.