Como as indústrias estão se preparando para a Páscoa 2021

Bookmark(0)

A Páscoa de 2021 vai acontecer novamente em meio à pandemia do Covid-19. Portanto, essa será a segunda Páscoa digitalizada do Brasil, ou seja, no qual grande parte das pessoas vai procurar os chocolates e Ovos de Páscoa no e-commerce. 

Reconhecido como o 3.º evento mais relevante para a população, ficando atrás apenas do Natal e do Dia das Mães, a Páscoa representa de 25% a 30% do faturamento anual das indústrias de chocolate.

Depois de um ano convivendo com o vírus Covid-19, as marcas souberam se reinventar e cada vez mais apostam no digital para levar uma boa experiência para o consumidor. 

Para este ano, houve tempo para se preparar e oferecer uma Páscoa no e-commerce que encante os shoppers. Saiba mais sobre as expectativas do setor!

*Todos os dados expostos nesse conteúdo foram extraídos de notícias divulgadas na imprensa.

Breve retrospectiva da Páscoa em 2020

Antes de ver as ações que as indústrias prepararam para 2021, vale fazer um panorama do desempenho do setor em 2020.

Mesmo com a pandemia, de acordo com relatório do Ebit | Nielsen, as categorias relacionadas à Páscoa apresentaram um aumento de 377% no faturamento online em 2020 comparado com o mesmo período em 2019.

indústria páscoa 2021 e-commerce

O mercado online também ficou mais aquecido durante a Páscoa do ano passado:

  • Os Ovos de Páscoa tiveram aumento de 501% no número de pedidos realizados (Fonte: Compre e Confie). 
  • A compra online de “última hora” desses itens na semana de Páscoa representou mais de 77% das vendas do período (Fonte: Compre e Confie). 

Em um ano com mudanças de estratégias de última hora, o mercado de chocolates conseguiu apresentar bons resultados. 

Expectativas para a Páscoa em 2021

Uma grande vantagem para o mercado de chocolates é que o brasileiro é apaixonado pela iguaria: 

  • 79% dos consumidores afirmam que vão comprar chocolate nessa Páscoa (Fonte: Opinion Box)
  • 39% das pessoas vão comprar Ovos de Páscoa para eles mesmos
  • 33% tem intenção de comprar Ovos de chocolate para os filhos. 
  • 28% querem comprar o produto para o parceiro ou parceira. 

Os dados mostram que o mercado continua aquecido. Por isso, uma estratégia das empresas é manter as vendas online, inclusive, fazendo parceria com aplicativos. 

Além dos apps e das lojas próprias de e-commerce, as marcas estão ampliando sua presença digital em diversos canais, como marketplaces, usando o Whatsapp como meio de vendas e realizando ações de marketing em redes sociais, como Instagram. 

Como as marcas estão se preparando para a Páscoa este ano?

Selecionamos abaixo as principais indústrias de chocolate que atuam no Brasil para mostrar como elas têm investido nas ações online para a celebração deste ano. Confira!

Mondelez

O grupo Mondelez, que detém a marca Lacta e várias outras marcas, é pioneiro na produção de Ovos de Páscoa no Brasil. E a empresa tem motivos de sobra para investir ainda mais na data esse ano, já que:

  • 74% dos consumidores vão comprar produtos da Lacta nessa Páscoa (Fonte: Opinion Box)
  • 52% afirmam que a Lacta é a sua marca preferida de Ovos de Páscoa (Fonte: Opinion Box)

Além de ser uma das marcas queridinhas do consumidor, a Mondelez sabe que o comércio eletrônico é um caminho sem volta. 

Em 2020, a companhia aumentou suas vendas em 700% no período da Páscoa com o projeto “Lacta em Casa”, desenvolvido em parceria com a Lett. 

Para 2021, a empresa preparou diversas ações para a data. “Desenhamos uma estratégia muito consistente, tanto do ponto de vista de produtos, quanto comercial e de marketing”, disse a diretora de marketing de chocolates da Mondelez Brasil, proprietária da marca Lacta, em entrevista.

Dentre elas, está o uso do Whatsapp para potencializar as vendas. No aplicativo de mensagens, por exemplo, o “Coelho da Páscoa” interage diretamente com o consumidor, respondendo suas dúvidas e direcionando-o para lojas virtuais que vendem Ovos de Páscoa Lacta.

indústria páscoa 2021 e-commerce

As ações de marketing não pararam por aí. A marca ainda optou por:

  • Reforçar a presença em apps de delivery como Rappi, James, iFood e Cornershop.
  • Investir na personalização com o lançamento de 6 kits montados para atender todos os perfis de consumidor, possibilitando a criação de uma mensagem individual para acompanhar o presente.
  • Realizar promoções com outras marcas, como Mattel, Puket e Diageo, oferecendo descontos nos sites dessas marcas para quem comprar produtos Lacta.
  • Incentivar a venda corporativa para as empresas presentearem seus funcionários com produtos do portfólio da Lacta e oferecendo negociação especial.
  • Oferecer cashback e prêmios em parceria com o app Ame Digital.
  • Valorizar a inclusão, com a inserção de uma assistente virtual que traduz todo o conteúdo do site da marca para Libras, ação em vigor desde 2020.

Nestlé

A Nestlé, que tem em seu portfólio a marca Garoto e diversas outras marcas, oferece produtos que também são preferência nacional:

  • Nestlé e Garoto são as marcas mais lembradas pelos consumidores em relação à Páscoa (Fonte: Opinion Box)
  • 80% dos consumidores vão comprar produtos da Nestlé nessa Páscoa (Fonte: Opinion Box)

A companhia não está trabalhando com a perspectiva de crescimento em volume, mas está apostando nas vendas do e-commerce, já que as reuniões familiares não acontecerão novamente este ano. 

Para isso, a empresa focou em duas frentes:

1. Novos produtos

O portfólio da Páscoa da Nestlé/Garoto para 2021 conta com 26 novos produtos, com destaque para:

  • Lançamento de 6 kits presenteáveis de diferentes linhas, que são: Baton Surpresa Dino, KitKat Coelho Easter Break, Alpino Mini Ovos, KitKat Mini Ovos, Coelho Alpino e Coelho Baton.
  • Produtos que atendem diferentes perfis e necessidades do consumidor, como o Ovo Nestlé com zero adição de açúcares, zero lactose e zero glúten, que vem em uma embalagem 100% reciclável. 
  • Estímulo ao consumo antecipado, com vendas de mini ovos de e coelhinhos de chocolate.

2. Interação digital

A marca optou por aumentar o investimento no e-commerce para garantir que os produtos cheguem até o consumidor. 

Para isso, foi realizada a ação Choco Cash Nestlé em parceria com o Pic Pay, oferecendo cashback de 50% para os clientes que comprarem produtos da linha Nestlé e Garoto entre os dias 04 de março e 4 de abril.

A Nestlé também ampliou a parceria com marketplaces, visando impulsionar as vendas online. Nesse caso, foi criado um site exclusivo para a Páscoa, no qual os shoppers podem ver os produtos da marca. Ao clicar no item desejado, aparecem opções de lojas disponíveis para efetuar a compra.

indústria páscoa 2021 e-commerce

indústria páscoa 2021 e-commerce

Até mesmo os brindes estimulam a interação digital. A linha de Ovos de Páscoa infantis  vem com QR Code para as crianças acessarem jogos online com os temas Unicórnio, Dinossauro e Espaço.

Esse site foi criado por meio do plugin 2buy, da Lett, que permite que as marcas direcionem os usuários para os varejos que possuem preço, sortimento e conteúdo digital adequados. Saiba mais sobre o 2Buy aqui. 

Lindt

A marca de chocolates suíça é a número um quando falamos de satisfação do consumidor, segundo dados da Opinion Box. Um dos motivos é que a empresa investe em entregar experiência de qualidade para o cliente.

Para a Páscoa, a Lindt preparou entregas do e-commerce via aplicativo com frete grátis e prazo de até dois dias úteis em compras acima de R$59,90.

A marca também apostou em 30 lançamentos para a Páscoa, com destaque para o ovo Lindor Perfect Bliss, que vem com o interior preenchido com 24 trufas nos sabores mais vendidos. É uma linha mais premium e focada para quem quer presentear 

A Lindt ainda desenvolveu uma campanha para as redes sociais com a participação de 5 digital influencers, seguindo uma das tendências que mais crescem no marketing para e-commerce em 2021.

Intitulada de “Caça ao Golden Bunny”, a ação consiste em esconder o coelhinho de chocolate em lugares na internet e a caça será conduzida por meio de dicas gravadas por influenciadores.

O objetivo é fazer com que os seguidores entrem na brincadeira e quem encontrar o código promocional ganha um Golden Bunny nas compras acima de R $200,00, tanto no e-commerce quanto em qualquer loja Lindt em todo o Brasil.

Confira algumas imagens da estratégia de marketing com os influencers:

indústria páscoa 2021 e-commerce

indústria páscoa 2021 e-commerce

Ferrero

Em 2020, a Ferrero se uniu ao Rappi para vender e entregar seus produtos composto pelas linhas Kinder, Ferrero Rocher, Ferrero Collection, além do portfólio regular da empresa.

Para este ano, o grupo trouxe novidades,  principalmente para a linha infantil, com os lançamentos “Oceano Encantado” e “Aventura na Selva”. Ainda no universo das crianças, a marca aposta mais uma vez no seu grande sucesso, a Coleção Natoons, que vem com pelúcias de brinde. 

Para os adultos, as opções são nas linhas Ferrero Rocher e Ferrero Collection, com Ovos de chocolate em diversos tamanhos e formatos para presentear.

No ambiente online, o consumidor pode encontrar chocolates da marca também em marketplaces, como Lojas Americanas.

Arcor

Ano passado, a empresa fechou parceria com o Site Mercado, plataforma online que reúne lojas virtuais de diversas redes de varejo, para vendas e entregas de seus produtos em todo o território nacional.

Para 2021, a empresa também ampliou seus itens para a data, com 20 novos produtos, dentre eles:

  • Tortuguita Headphone: produto que vem com um headphone disponível em duas cores, com regulagem na lateral e dobrável. 
  • Authentic Games: item em parceria com o canal do Youtube de mesmo nome, comandado por Marco Túlio. Como brinde, um copo exclusivo com canudo inspirado no mundo dos jogos. 
  • Luccas Neto: ovo de chocolate criado com o youtuber Luccas Neto e vem com um boneco exclusivo do personagem com cabelo que brilha no escuro. 

Ao apostar nesses itens, a empresa consegue seguir duas tendências do mercado. Primeiro, associar sua marca com influencers digitais, o que amplia a sua presença em diferentes canais online.

Segundo, investir na experiência do consumidor, oferecendo itens que agregam valor ao produto. De acordo com a pesquisa da Opinion Box,  45% dos shoppers afirmam que o mais interessante nesse tipo de produto não é o chocolate, mas o que vem dentro dele.

Hersheys

Em 2020, a empresa iniciou a sua entrada no mercado digital em três frentes:

  • Lançamento do e-commerce próprio.
  • Criação de uma plataforma voltada ao público B2B.
  • Presença em marketplaces de grandes plataformas online. 

As ações continuaram para a Páscoa em 2021, com a Hersheys investindo em sabores limitados e formatos exclusivos para conquistar o consumidor. O carro-chefe da campanha deste ano é a barra de chocolate Pink Lemonade. 

No marketing, setor fundamental para o crescimento de uma marca no e-commerce, a empresa trabalha o conceito “Com Hershey’s a Páscoa é Outra”. O objetivo principal é fortalecer a ideia de proporcionar experiências diferentes para os shoppers. 

De olho no público de confeitarias e doceiras, o grupo ainda criou a campanha Páscoa 2021, “Transforme Chocolate em Oportunidade”. A ação tem foco digital e usa conteúdo e estratégias de influenciadores para apresentar os produtos da linha profissional da empresa. 

indústria páscoa 2021 e-commerce

O material produzido para redes sociais tem a participação de especialistas conceituados do segmento, como Solange Piagge, chef chocolatier da Hersheys e o chef de confeitaria Kadu Barros. A ideia central é transformar as páginas da marca em hubs de conteúdos. 

Kopenhagen 

A marca de chocolates finos trouxe muitas novidades para a Páscoa em 2021 em suas linhas principais: Nha Benta, Língua de Gato, Lajotinha e Chumbinho. O diferencial vai para os novos sabores, como o Ovo Keep Kop Pipoca Gourmet, que vem com pipoca de caramelo coberta com chocolate ao leite.

O grupo também investiu muito em produtos presenteáveis, que podem ser encontrados em sua loja virtual. Além disso, está oferecendo frete grátis nas compras acima de R$199,00 para o Estado de São Paulo e a possibilidade de interagir com vendedores via Whatsapp em todo o Brasil.

Para a ação de marketing, visando fortalecer sua presença online, a marca criou a campanha “Sabor que vem de dentro”. Quando o cliente acessa o e-commerce da Kopenhagen, pode gravar uma mensagem personalizada de Páscoa e enviar para uma pessoa querida junto com os produtos adquiridos. 

Cacau Show 

A marca preferida dos consumidores, segundo pesquisa da Opinion Box, preparou mais de 50 produtos para continuar encantando os clientes. Os destaques vão para os Ovos de Páscoa com parcerias com outras empresas, como Amarula, Paçoquita e NBA.

Também foi criada a promoção Páscoa Lovers da Cacau Show, no qual a companhia oferece como prêmio 5 Jeep Renegade cheios de chocolate, Ovos Gigantes e Vales Chocolates. 

Para concorrer, basta se cadastrar no site e registrar o cupom fiscal. Para as compras realizadas no e-commerce da empresa, os clientes receberão um pin code da promoção por e-mail. É possível ainda encontrar ofertas nas lojas online e frete grátis nas compras acima de R$179,00. 

Já no Instagram, a marca criou uma ação social e se comprometeu em doar 1 milhão de Ovos de Páscoa. Em troca, pediu aos seguidores para publicarem mensagens de carinho na rede com a hashtag #ImpossivelSerFelizSozinho.

indústria páscoa 2021 e-commerce

indústria páscoa 2021 e-commerce

Com todos esses exemplos, fica visível que os esforços para investir em uma Páscoa cada vez mais digital só aumentam. Contudo, ainda há muitas melhorias que podem ser feitas pelas indústrias com o objetivo de atender o consumidor online. 

Saiba como a Mondelez aumentou suas vendas em 700% na Páscoa de 2020

Ainda em dúvida se é possível ter lucro vendendo chocolate pela internet? Então, é preciso repensar a sua estratégia.

Em 2020, a Mondelez, assim como outras empresas da indústria do chocolate, enfrentou o seguinte dilema: o de vender seus produtos para a Páscoa em um cenário marcado pelo isolamento social.

As notícias não eram positivas para o segmento, com previsão de queda de 62% nas vendas no período. A saída que a multinacional encontrou? Criar o seu próprio e-commerce. 

Foi assim que, em duas semanas, nasceu o Lacta em Casa.

indústria páscoa 2021 e-commerce

O site foi desenvolvido pela Lett e interligava o mix de produtos da Mondelez aos e-commerces parceiros da marca e super apps, como Rappi e IFood. Além disso, um sistema de geolocalização foi integrado ao site para que os consumidores tivessem acesso às lojas que entregavam na sua região.

Com o site no ar, foi a hora de investir no marketing, com campanhas em programas de televisão e plataformas online para divulgar a ação. 

O resultado já falamos no intertítulo: 700% de aumento nas vendas online em comparação ao mesmo período do ano anterior e mais de 2 milhões de acessos no site.

Ainda dá tempo de fazer a Páscoa no e-commerce bombar em 2021. Baixe o e-book e entenda os bastidores da estratégia desenvolvida pela Lett e Mondelez!

Escrever é o que me move, por isso escolhi ser jornalista. Sempre levo um livro na bolsa, gosto de acompanhar tudo sobre tecnologia e troco fácil uma balada pela Netflix.

0 0 vote
Article Rating
Seguir
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

EQI 2020: a qualidade do e-commerce sob a perspectiva do consumidor final.