6 principais tendências do e-commerce para 2021

Bookmark(0)

Em 2020, o mercado de e-commerce cresceu rapidamente e os dados da Neotrust confirmam isso. Foram:

  • 42,9 milhões de consumidores únicos no e-commerce
  • Mais de 300 milhões de pedidos online
  • Faturamento online de R$ 126 bilhões
  • 47% dos consumidores fizeram sua primeira compra online 

O contexto da pandemia forçou tanto as marcas quanto os consumidores a migrarem de vez para o digital. Esse novo mergulho no mercado online abriu os olhos dos varejistas e das indústrias para os desafios e as oportunidades existentes no mercado online. 

As previsões estão promissoras para o setor em 2021:

  • Estimativa de crescimento do e-commerce de 18% 
  • As regiões brasileiras que mais têm expectativa de crescimento são: Sul (26%), Sudeste (17%) e Nordeste (17%).

Além disso, as categorias que mais devem se destacar no setor em 2021 são: 

  1. Pet Shop (+48%)
  2. Casa e Construção (+47%)
  3. Eletroportáteis (+43%)
  4. Alimentos e Bebidas (+40%)
  5. Brinquedos (+39%)

Esses números motivam varejistas e indústrias a estabelecerem planos e estratégias para garantir a chance de se destacar no comércio eletrônico nacional. 

Pensando nisso, a Lett e a Neotrust fizeram um webinar para discutir as principais tendências do e-commerce para 2021. Confira! 

1. Shoppable

Shoppable ou “social shopping” é um conceito que oferece aos consumidores um checkout descentralizado dos produtos.

A ideia permite que o shopper compre produtos que ele vê em um post do Instagram ou em uma série do Netflix sem precisar sair do aplicativo. 

Porque investir:

  • Encurta a jornada do cliente
  • Aumenta o alcance da marca
  • Torna a experiência de compra simples para varejistas e clientes

Cases:

Shopify e Tik Tok: As duas empresas fizeram uma parceria que permite que os vendedores utilizem conteúdos no formato do TikTok em seus e-commerces. É uma nova forma de criar anúncios e campanhas visando impactar novas audiências.

tendencias e-commerce 2021

NBC Universal Checkout: uma das maiores empresas de mídia dos Estados Unidos criou um aplicativo, permitindo aos espectadores comprarem o que eles veem na tela. Tudo indica que o próximo passo é unir a plataforma às Smart TVs.

tendencias e-commerce 2021 tendencias e-commerce 2021

2. Live commerce

Podemos definir live commerce como uma estratégia que usa o streaming de lives para impulsionar vendas. Por meio dessa interação ao vivo, o vendedor promove produtos e serviços para os usuários. 

Porque investir:

  • Transmite confiança e segurança para o shopper.
  • Aproxima vendedor e consumidor, resultando em maior engajamento e conversão.
  • É um conteúdo valioso e que responde às dúvidas do consumidor. De acordo com dados da Wyzowl, 84% das pessoas se sentem convencidas a comprar um produto após assistir um vídeo da marca.

Cases: 

Farm: A grife do Grupo Soma lançou ano passado a Lojix, sua loja digital live streaming. Nas transmissões, apresentadores e influenciadores discutiram e experimentaram peças das lojas, que podiam ser compradas por meio de abas nas laterais dos vídeos. A ideia é que no futuro cada vendedora da empresa possa criar sua própria live para realizar suas vendas.

tendencias e-commerce 2021

Americanas ao Vivo: O projeto de live reviews permite aos consumidores comprarem produtos pelo aplicativo da marca. Foram convidados influencers de diversos segmentos para as transmissões para as lives, que também ofereceram facilidades aos clientes como cashback, frete grátis e cupons de desconto. 

tendencias e-commerce 2021

3. Marketing de influência

Complementar a estratégia de live commerce, vimos o crescimento de marketing de influência. 

  • Influenciadores digitais fizeram crescer 670% das compras na Black Friday em 2019. (Fonte: Reward Style).

Contudo, agora as marcas fazem ações não só com influenciadores digitais, mas também com pessoas que se posicionam como KOL (Key Opinion Leader).

O que é um KOL?

Muito comum no mercado de saúde, o KOL é uma pessoa com autoridade no assunto, por isso, pode recomendar um produto. 

Lembra da propaganda da Colgate na TV com o slogan “A marca número 1 em recomendação dos dentistas”? Isso era um exemplo de vendas usando KOL, que nesse caso seriam os dentistas.

tendencias e-commerce 2021

O KOL atual é qualquer criador de conteúdo que atua em um nicho específico e tem propriedade para falar sobre determinado tema. 

Geralmente, ele não tem um número grande de seguidores, mas possui:

  • Posicionamento claro
  • Autenticidade
  • Conteúdo que faz sentido para o seu público
  • Seguidores leais e altamente engajados

Por que investir:

  • Geram mais engajamento para a marca
  • Transmitem autenticidade e confiança

Case: 

A marca fashion Bally, na China, usou duas estratégias para divulgar seus produtos. A primeira era promover e impulsionar posts em 3 redes sociais (Weibo/WeChat/Red). Já a segunda foi uma ação com 7 key opinions leaders do país. Os resultados mostram que a ação com KOL teve melhor desempenho. Veja:

Ação nas redes sociais:

  • 2.3 milhões de impressões
  • 24 mil de engajamento
  • 1.4% de conversão

Ação com KOL’s:

  • 3,3 milhões de impressões mil de engajamento
  • 786 mil de engajamento
  • 24% de conversão

tendencias e-commerce 2021

4. Re-commerce

É a famosa revenda de produtos usados e que vem ganhando cada vez mais destaque no mercado.

Por que investir:

  •  64% das mulheres que consomem itens de moda estão dispostas a comprar roupas usadas (Fonte: thredUP). 
  • Valores como sustentabilidade vêm crescendo entre os consumidores
  • Oportunidade de abrir um segmento no negócio
  • Oferecer uma boa experiência de compra em produtos de segunda mão

Case: 

A Enjoei é um marketplace para pessoas criarem sua própria “loja” e venderem seus produtos usados: de roupas a móveis. A marca tem parceria com personalidades da internet e com o programa Desengaveta, do canal GNT. 

tendencias e-commerce 2021

5. Jornada de compras personalizada

Cada vez mais os consumidores querem uma experiência de compra personalizada:

  • 65% dos shoppers dão preferência para varejos que já conhecem, por experiência própria ou por recomendação. 

Uma das alternativas para garantir uma jornada de compra satisfatória é melhorar o conteúdo das páginas de produtos:

  • A otimização de conteúdo digital no cadastro de produtos aumenta a taxa de conversão em até 30% (Fonte: EQI).

Além disso, compreender a jornada online até o seu produto é fundamental. Veja mais estratégias para desenvolver ações que personalizam a experiência do shopper:

  • Apostar em plataformas que auxiliem o atendimento mais humanizado, como chat online, e-mail e WhatsApp business são os canais preferidos dos e-shoppers. 
  • Priorizar os pontos que mais influenciam uma decisão de compra, como preços, promoções, frete, prazo de entrega, avaliações e comentários
  • Inovar considerando as novas tendências do mercado: Ship From Store (SFS), Drive-thru, live commerce.

Descubra as 5 etapas da jornada de compra omnichannel

Case:

A Leroy Merlin já oferece a opção de Ship from Store, ou seja, você compra no site e retira o produto na loja. Agilidade na entrega e estratégia de omnichannel

tendencias e-commerce 2021

6. Experiências 3D

Cada vez mais o online está ficando perto do offline. As marcas estão investindo em melhorar a experiência dos consumidores oferecendo opções de testes para os seus produtos sem precisar sair de casa.

Por que investir:

  • Diminui operações com logística reversa.
  • Auxilia o consumidor de maneira mais assertiva na escolha do produto.
  • Aumenta a confiança do shopper no momento de compra.

Case:

A Maybelline, marca de maquiagem do Grupo L’oréal, criou a plataforma online Virtual Try It On, na qual o consumidor liga a câmera ou envia uma foto e, assim, pode testar como os produtos ficarão na sua pele.

tendencias e-commerce 2021

Essas são as principais tendências do e-commerce para 2021. Espero que elas sejam úteis para as estratégias da sua marca! Se você quiser assistir o webinar completo, é só clicar abaixo: 

Agora, se você não sabe como transformar essas ações de marketing em vendas, chegou ao lugar certo! Conheça o 2Buy, o plugin que mostra para os consumidores onde ele pode encontrar os produtos da sua marca rapidamente! 

É só criar a campanha nas suas mídias sociais ou site institucional para direcionar os consumidores para os seus varejistas estratégicos!  Conheça agora!

Escrever é o que me move, por isso escolhi ser jornalista. Sempre levo um livro na bolsa, gosto de acompanhar tudo sobre tecnologia e troco fácil uma balada pela Netflix.

5 2 votes
Article Rating
Seguir
Notificação de
guest
1 Comentário
antigo
recente mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
devid
devid
15 dias atrás

Bom artigo o/

EQI 2020: a qualidade do e-commerce sob a perspectiva do consumidor final.